Monital

Segurança ou apenas Sensação de Segurança?

Olhe o que achamos sobre esse tema...

Você está Seguro?

Segurança ou apenas Sensação de Segurança?

O maior sonho de quem vive em condomínio é a segurança e a qualidade de vida. Para poucos, o mito de segurança cada vez mais vai por água abaixo, pois as estatísticas nestes últimos anos não estão sendo as das melhores.

Qual a relação que existe entre ter segurança e sentir a segurança?

Inicialmente é preciso encarar a segurança de maneira profissional, com gestão estratégica. O caminho em busca da solução desejada, passa pela elaboração de um diagnostico apontando os pontos fortes e fracos, as vulnerabilidades e ameaças a que está exposto o local, com avaliação das variáveis do ambiente interno e externo.

Com estas informações preliminares, partimos para uma analise de riscos e verificamos os impactos que podem causar.

Outro engano é ter a “sensação de segurança” sem realmente estar seguro. Isso ocorre nos casos onde algum investimento é feito (câmeras, cercas, vigilantes, etc.), mas não de forma correta, gerando a impressão de que se está seguro, o que talvez seja ainda pior.

Mesmo em condomínios onde temos sistemas completos (câmeras, cercas, rondas, etc.) é comum o resultado de uma auditoria de segurança apontar diversas vulnerabilidades nos sistemas, recursos e processos implantados, motivo pelo qual, mesmo os condomínios que investem em alguma segurança também serem vitimas de marginais.

Com todos estes dados podemos definir um plano de ação e um projeto integrado de segurança unindo todas as partes e oferecer uma “real” sensação de segurança. Tecnologia, recursos humanos e organizacionais, são extremamente necessários para minimizar os riscos encontrados.

Vemos constantemente falhas que já deveríamos ter superado, como cercas elétricas desligadas, não monitoradas ou até mesmo sistemas de CFTV (câmeras) sem gravação. Quando a falha não é técnica é humana: porteiros que abrem o que deveria estar fechado ou que saem de suas guaritas quando deveria vigiar pelas câmeras e até mesmo a própria estrutura física das guaritas onde nem sequer possuem vidros a prova de balas.

Há muitas perguntas e duvidas pairando. Porque a cerca elétrica não funcionou ou até mesmo estava desligada ou o sistema de CFTV não estaria gravando.

O que nos resta fazer é transformar o Sistema de Segurança Eletrônica o mais eficiente possível para minimizar os riscos ou teremos que nos tender a voltar à Idade Média, onde as arquiteturas utilizavam enormes castelos e barreiras aquáticas, com ferozes e famintos crocodilos...